Exclusivo! JR revela a ação do crime organizado contra agentes de presídios de segurança máxima

Uma reportagem exclusiva traz detalhes sobre as execuções de agentes penitenciários vítimas de facções do crime. Para a Polícia Federal, são ações terroristas planejadas por criminosos que não tem regalias em presídios federais. No presídio de Catanduva, no Paraná, faixas de protestos e homenagens a colegas assassinados. Os apelos são por maior segurança no trabalho. Dois crimes acenderam o sinal de alerta na região, principalmente em Cascavel, cidade onde mora a maioria dos funcionários do presídio. O objetivo seria intimidar os funcionários para conseguir regalias que não são permitidas em presídios federais.