Jovem é morto em baile funk da periferia de São Paulo; família acusa polícia

Lucas, de 21 anos, foi morto durante um baile funk, na periferia de São Paulo. Durante o evento, que acontecia no meio da rua, a Polícia Militar chegou para dispersar a multidão. No meio da correria, o jovem foi baleado a queima-roupa. De acordo com testemunhas, os policiais se negaram a prestar socorro. No Boletim de Ocorrência, os agentes não disseram se usaram bombas ou efetuaram disparos, apenas informaram que atenderam ao chamado de moradores incomodados com o som alto. Durante o fim de semana, outras duas conhecidas festas da capital viraram alvos de operações da Polícia Militar. Em um dos casos, a ação violenta dos PMs foi flagrada por uma câmera de celular.