Juiz acata ação popular e manda suspender aumento de combustíveis

A decisão de suspender o decreto que aumentou os impostos sobre os combustíveis foi do juiz Renato Borelli, do Distrito Federal. O magistrado alegou que a lei que cria ou aumenta um tributo só pode ser aplicada depois de 90 dias. Mas, o Governo já anunciou que vai recorrer da decisão.