Novo valor do salário mínimo não é capaz de recompor poder de compra, diz Dieese

Novo valor do salário mínimo, de R$ 954, não é capaz de recompor poder de compra dos brasileiros. A conclusão é do Dieese