Votação de denúncia contra Temer se aproxima em clima de indefinição

A votação em plenário da denúncia contra Michel Temer está marcada para a próxima quarta-feira (2), mas governistas e oposição não arriscam um palpite se vai haver quórum de 342 deputados para que a sessão seja realizada. As previsões são conflitantes. Enquanto isso, o Planalto trabalha para convencer mais parlamentares e planeja licenciar 12 ministros com mandato na Câmara para que eles votem com o governo.